Missão e Dedicação

Centro Budista Shiwa Gonpa Dorje Chokhor Ling

Lama Chimed Rigdzin, nascido no Tibete, veio para o ocidente em 2002. Ele então compreendeu quão necessário é um espaço de paz, para que praticantes budistas de qualquer parte do mundo possam encontrar a tradição e a cultura budistas do Tibete, meditar e praticar para encontrar a sua própria natureza de Buddha. Assim, com as bençãos do seu Lama no Tibete, ele procurou e encontrou este local de paz para plantar as sementes do Dharma do Buddha. Assim nasceu o Centro Budista Shiwa Gonpa Dorje Chokhor Ling, em Visconde de Mauá/Rio de Janeiro, Brasil.

Além disso, ele aspira a prover uma área para prática e ensinamentos em grupo, e um lugar onde visitantes podem fazer uma conexão com a linhagem budista tibetana, através do trabalho artístico tradicional tibetano.

Estas terras oferecem a experiência da natureza acompanhada do som do vento, cachoeiras e pássaros, e amplas visões das montanhas. Esta experiência natural pode trazer o presente da paz, e naturalmente acalmar a mente.

Encontrando a Terra de Retiros e Dedicação

Em agosto de 2009, depois de seu retiro de seis meses no Khadro Ling, Lama Chimed e sua esposa se mudaram para uma casa alugada no Vale do Pavão, Visconde de Mauá, onde ele continuou fazendo retiro por metade do dia, e, durante os dois meses seguintes, eles procuraram terras naquela região. Foi depois de menos de um mês que eles encontraram a terra que eles ao final compraram; no entanto, o vendedor se recusava a negociar o preço até um valor que fosse viável para eles. Após algumas semanas mais, pesquisando outros lugares, em um dia apareceu um arco-íris; então Lama Chimed teve certeza de que encontraria o lugar certo naquele dia. Contudo, nenhum dos terrenos visitados naquele dia tinha a configuração astrológica tibetana certa; então eles chegaram ao fim do dia sem entender porque o arco-íris havia surgido. Naquela mesma noite foi aberto um email, o qual havia sido escrito mais cedo, durante o dia, pela proprietária do terreno à época. Ela tinha concordado em vender para o Lama Chimed pelo preço possível para ele; isso explicou o arco-íris. Lama Chimed sabe que foram as bênçãos do Khenpo Ngagchung que o permitiram comprar estas terras.

Todo o processo de encontrar o terreno e de fazer a burocracia necessária, foi realizado através da ajuda de alguns amigos muito dedicados, bem como das bênçãos do Guru. Esses amigos fizeram um esforço extraordinário para viabilizar a continuação do processo atravessando muitos obstáculos. Lama Chimed gostaria de dedicar toda a virtude futura destas terras, e toda a virtude da sua linhagem a esses amigos e suas famílias, bem como a todos os seres sencientes. Através do poder da virtude que esta terrra de retiros irá criar, possam todos os credores cármicos ser ressarcidos e todas as obrigações passadas serem saldadas para o benefício de todos os seres.